Bem-estar

17/06/2021 08h00

Mudar sentimentos muda a nossa vibração

Recitar mantras ajuda a afastar a negatividade e conectar com nossa capacidade de amar incondicionalmente

Por Nosso Bem Estar

Dimitri Posudin / Pixabay/NBE (destaque)
Mandala

Mudar sentimentos muda a nossa vibração

A vibração do som e sua interferência em nossos sentidos é um dos temas do livro Poder vs Força” (publicado em 25 idiomas com mais de um milhão de cópias vendidas), de autoria do Dr David Hawkins, conhecido como médico, autor, palestrante e pesquisador da consciência.

O livro apresenta sua marca registrada “Mapa da Consciência”, agora usada por profissionais de saúde, professores universitários, funcionários do governo e executivos de negócios em todo o mundo. 

Segundo o livro, as razões para ter a vibração baixa podem ser oriundas de cansaço, medo, tensão nervosa, raiva e ódio. Compare as vibrações causadas por determinados sentimentos:

Dor 0,1 a 2 hz

Medo de 0,2 hz.

Irritação 0,9 a 6,8 hz

Ruído 0,6 a 2,2 hz.

Orgulho 0,8 hz

Abandono 1,5hz.

Superioridade 1,9 hz.

Generosidade 95 hz

Agradecimentos verdadeiros 150 hz

Compaixão 150 hz ou mais.

Amor ao próximo e a todos os seres vivos 150 hz e mais.

Amor incondicional e universal a partir dos 205 hz

Oração, de 120 hz a 350 hz

 

A música também é apontada por seu poder de aumentar o nível vibratório.

O álbum “Inner World” contém 11 faixas de orações e mantras recitados pelo próprio Dalai Lama, o líder espiritual do Tibete. 

Entre os mantras, está OM Mani Padme Hum, que representa o início de todas as ações e de todos os mantras. É recitado para afastar a negatividade e conectar com nossa capacidade de amar incondicionalmente. Foi lançado em 2021, em comemoração ao aniversário de 85 anos do Dalai Lama e pode ser acessado AQUI.

 

Créditos: Divulgação

X