Guia de qualidade

340392
ORIENTAÇÃO AYURVÉDICA - TERAPEUTA FÁTIMA CARINE BIRCK
De Fátima

ORIENTAÇÃO AYURVÉDICA

O Ayurveda nos ensina que observando as qualidades dos cinco elementos da natureza, podemos compreender o funcionamento e os movimentos do nosso corpo, da nossa mente e das nossas emoções. Através desta compreensão conseguimos identificar melhor a nossa essência e harmonizar os desequilíbrios que surgem no nosso dia a dia.

Podemos harmonizar os desequilíbrios do nosso organismo antes que a doença se estabeleça de uma forma mais grave. Com cuidados diários e muito simples, podemos restabelecer a nossa saúde e, consequentemente, o nosso prazer de viver.

O Ayurveda nos ensina a detectar os sintomas das desarmonias (doenças) ainda nas fases iniciais.
Através de um diagnóstico ayurvédico ou da auto observação diária, temos a oportunidade de identificar as desarmonias manifestadas em nosso organismo e de restabelecer o equilíbrio do nosso corpo e da nossa mente. Desta forma, conseguimos prevenir o aparecimento de enfermidades crônicas, melhorar a saúde, a vitalidade e a imunidade do nosso corpo, da nossa mente, das nossas emoções, e recuperar o nosso prazer de viver.


A Orientação Ayurvédica é uma avaliação na forma tradicional de diagnóstico ayurvédico, que busca identificar o biotipo original do indivíduo, a situação de desequilíbrio que se apresenta no momento.
Na orientação, o terapeuta faz diversas observações para compreender a essência da pessoa que está presente, e identificar quais são as desarmonia que se apresentam no momento:

* exame de pulso;
* observação da língua e olhos;
* observação das formas e características do corpo, do face, das mãos, unhas;
* obervação da fala e características de personalidade;
* o terapeuta faz várias perguntas, através de questionário e/ou verbalmente, sobre como está a rotina da pessoa, quais são seus hábitos, qual é o seu trabalho, como está a sua vida, etc...
Tudo isso é fundamental para compreender como está a vida da pessoa, qual a sua essência, e quais as desarmonias que se apresentando.

Aqui no ocidente, as pessoas costumam visitar um profissional de saúde somente quando estão doentes. O profissional identifica a doença, determina quais foram os fatores que causaram os sintomas, como bactérias ou vírus, etc. O tratamento é então voltado para selecionar uma técnica para combater os agentes causadores da doença. Os mesmos medicamentos, procedimentos e doses são muitas vezes utilizados para várias pessoas que lutam contra a mesma doença.

O Ayurveda trata cada indivíduo de uma forma diferente, pois cada pessoa tem uma constituição única e diferente. Tudo precisa ser avaliado, a constituição original - essência, o poder digestivo da pessoa, o nível de toxinas no corpo, qual dosha está desequilibrado, como o desequilíbrio se desencadeou, os hábitos de vida, como está a sua alimentação, a sua mente, as suas emoções, etc. Mesmo que duas pessoas pareçam ter o mesmo desequilíbrio (doença), no Ayurveda, as duas pessoas receberão uma terapêutica (tratamento) diferente.

Não precisamos consultar um terapeuta ayurvédico somente quando estamos doentes ou com desconforto. Podemos consultar um terapeuta quando nos sentimos bem, ou mesmo se achamos que estamos bem, para nos conhecermos melhor, entrar em contato com o nosso corpo, para aprender a compreender o que o nosso corpo, a nossa mente e as nossas emoções nos falam, e buscar a manutenção do nosso equilíbrio todos os dias. Através do Ayurveda, aprendemos a equilibrar pequenos desequilíbrios do dia a dia, sem deixar que o nosso corpo desenvolva alguma doença crônica, que é difícil de curar quando já está instalada.

Muitas pessoas tem certos hábitos que julgam ser saudáveis, mas muitas vezes, mesmo que pareça ser saudáveis, para a constituição de uma pessoa, aquele hábito pode não ser tão bom como ela imaginava, ou pode até ser prejudicial. Através do Ayurveda, é possível compreender o que faz bem e o que não faz bem para o nosso biotipo.

Depois do diagnóstico ayurvédico, é indicado um roteiro de terapias de acordo com as necessidades de cada pessoa, de acordo com a sua natureza e desequilíbrios, visando o equilíbrio dos doshas (princípios vitais presentes em nosso organismo, constituídos pelos cinco elementos da natureza: ar, éter, fogo, água e terra) que influenciam o nosso corpo físico, mental e emocional.

Este roteiro pode incluir: Dieta; Rotina Diária; Fitoterapia Ayurvédica; Massagens e oleações especiais; Yogaterapia; Meditação e Mantraterapia; Programas de desintoxicação suaves; Programas de rejuvenecimento.

O tratamento é acompanhado pela terapeuta, que oferece todo o suporte necessário em relação a possíveis dúvidas e adaptações que se façam necessárias ao longo do processo terapêutico.

Indicações:
• Auto conhecimento;
• Harmonização dos corpos físico, mental e emocional;
• Melhorar o estilo de vida de acordo com a sua natureza individual;
• Equilibrar algum desequilíbrio que está no estágio inicial;
• Aliviar sintomas de algum desequilíbrio crônico já existente (doenças crônicas).
• Desintoxicação, rejuvenescimento;
• Para melhorar a vitalidade e imunidade;


*O efeito de cada tratamento vai depender do biotipo da pessoa, do estado de saúde em que se encontra e da sua força de vontade.

Fátima Carine Birck é terapeuta Ayurvédica. Iniciou a sua trajetória de estudos e práticas em 2010 através do curso de formação de Terapeuta Ayurveda ministrada pela
ABRA – Associação Brasileira de Ayurveda. Conectou-se com maior profundidade
no curso avançado que fez na Índia, encontrando grandes mestres do Ayurveda
na escola Arya Vaidya Pharmacy Hospital P. V. Rama Varier – Coimbatore/Índia.
Atua profissionalmente como terapeuta Ayurvédica na Casa Leela em Porto Alegre.


Atuação profissional:
* Terapeuta Ayurvédica;
* Facilitadora de workshops com temas relacionados ao ayurveda;
* Produz produtos ayurvédicos como manteiga ghee,
manteiga ghee com especiarias, masalas.